Transformação Digital: mais que um diferencial, um pré-requisito

Você já deve ter encontrado por aí várias empresas que colocam no quadro de Missão, Visão e Valores, Inovação como um dos valores, mas que ainda possuem processos arcaicos, engessados e muita resistência ao uso de tecnologia. Mas por que essa necessidade de dizer ao mundo que você é inovador, tecnológico e pioneiro? Você pode achar que é para se diferenciar da concorrência, mas já passamos desse estágio, muitas empresas já incorporaram a tecnologia em sua cultura organizacional. Mais que um diferencial, é um pré-requisito.

Os chamados millennials, que viveram a transformação digital, a transição para um mundo de smartphones e internet banda larga 4g, estão dentro das empresas e consumindo ativamente, enquanto, a próxima geração, já nasceu no mundo digital. Sendo assim, as empresas precisam falar a língua de seus consumidores, mudar conforme os clientes demandam, pois eles possuem o poder de barganha e quem não atende os requisitos é deixado para trás, como uma “seleção natural” do consumo. Lembre-se de que a empresa que tinha o filme de máquina fotográfica não previu que a máquina digital acabaria com seu negócio, ou as locadoras que deram lugar ao streaming.

Eles são a geração do imediatismo, do “deixa que eu faço”, precisam da informação na hora que necessitam e de seus problemas solucionados o mais rápido possível. Eles não permanecem inertes diante de mau atendimento, eles demandam, escolhem e mudam quando algo não lhes agrada. Assim, o bom atendimento e a tecnologia são imprescindíveis para garantir a fidelização do cliente.

Muito se engana, quem pensa que a transformação digital é exclusiva dos departamentos de tecnologia ou contact centers. Inovar é decisão estratégica, que vem da liderança para revolucionar todos os processos, torná-los mais dinâmicos e sinérgicos, transforma a cultura da empresa de forma que tanto funcionários quanto clientes notam. Inovação deixa de ser uma palavra na parede, é um fluxo natural que segue as mudanças da sociedade, que já está na 4ª Revolução Industrial. As empresas que não acompanharem, não terão espaço dentre as escolhas dos clientes modernos.

Comentários

Seu endereço de email não será publicado.